Mar
3
Sáb
Pelo Vale do Codes @ Lousa, Vila de Rei
Mar 3@9:30_13:00
Pelo Vale do Codes @ Lousa, Vila de Rei

Em 2018, a ZêzereTrek dá continuidade à série de experiências “ZêzereTrek Off Track”, actividades fora das rotas marcadas e com o nosso cunho pessoal.
Nesta actividade vamos dar a conhecer uma área muito especial do concelho de Vila de Rei: o Vale da Ribeira do Codes.
Tendo sido um ponto fulcral da exploração de ouro na época romana, ainda hoje subsistem importantes vestígios dessa atividade, que marcam a paisagem de forma impressionante.
Impressionante é também a sua galeria ribeirinha, onde a vegetação mantém ainda o carácter da floresta natural autóctone, formando corredores mais ou menos fechados ricos em biodiversidade.
Por entre o correr saltitante da água e tendo ainda por moldura imponentes fragas e cristas quartzíticas esta rota “Off Track” levar-nos-á até a uma das Sete Maravilhas de Portugal: a Praia Fluvial do Penedo Furado, um lugar de indescritível beleza natural.

 

 

Programa:
09H30 – Concentração no Largo da Escola Primária da Lousa, Vila de Rei (GPS: Latitude: 39°37’25.21″N; Longitude: 8° 7’7.31″W);
13H00 – Fim da Atividade.

A atividade inclui acompanhamento com Guia, lanche, seguro de acidentes pessoais e de responsabilidade civil e transporte de regresso à localidade de Lousa.

Mar
17
Sáb
Pela Ilustre Vila do Sardoal @ Sardoal
Mar 17@9:30_15:00
Pela Ilustre Vila do Sardoal @ Sardoal

A ZêzereTrek oferece aos participantes a oportunidade de conhecer esta bela localidade do Ribatejo Norte e os seus arredores, onde a religiosidade e a enologia da região serão alguns dos temas a visitar. Neste passeio haverá também a oportunidade de saborear os produtos da região, num local especial, pensado para os presentes.

Programa:
9H30 – Concentração junto ao Centro Cultural Gil Vicente
9H45 – Início do passeio, com paragem nos vários pontos de interesse;
13H00 – Almoço volante, com degustação de produtos tradicionais;

Esta actividade inclui  seguros de acidentes pessoais e responsabilidade civil, acompanhamento com Guia e almoço.

Mar
18
Dom
Do Cinza ao Verde @ Vila de Rei
Mar 18@9:30_16:15
Do Cinza ao Verde @ Vila de Rei

Conscientes de que a região de Vila de Rei perdeu parte do seu património natural decorrente dos últimos incêndios que assolaram o centro do País, a ZêzereTrek tomou a si a responsabilidade de, com o seu conhecimento e meios humanos, contribuir para a recuperação desse património que é um dos maiores atractivos do concelho.
Paralelamente a outros projectos de arborização e ordenamento florestal, nos quais a ZêzereTrek está envolvida, pretendemos com esta actividade mostrar não só os prejuízos óbvios decorrentes dos incêndios, como a evolução que os ecossistemas florestais manifestam pós-incêndios, assim como ouvir igualmente os testemunhos e experiências de quem trabalha e lida com estes flagelos e gere espaços florestais.
A actividade consiste num percurso interpretativo com uma extensão de 9 km, ao longo do qual se poderá observar a geologia da região e aspectos da fauna e da flora locais. As paragens serão estratégicas nos locais afectados pelos incêndios florestais que assolaram Vila de Rei no dia 13 de Agosto de 2017, assim como nas áreas que escaparam a este flagelo e que mostram a realidade florestal da região. Paralelamente haverá também tempo para a realização de acções de rearborização ao longo deste percurso que, no futuro fará parte de uma nova rota pedestre.
Pretendemos assim, envolver o público não só na recuperação da paisagem afectada pelo incêndio como também mostrar como se desenvolve um incêndio, como a natureza reage e como podemos criar as condições para diminuir os efeitos deste fenómeno.
A actividade inclui também o almoço e uma travessia de barco, que dará uma perspectiva diferente da evolução do fogo.

Programa:
9h30 – Início da Actividade. Concentração junto aos Paços do Concelho de Vila de Rei;
9h45 – Chegada a Zaboeira, dando início ao percurso;
10h30 – Demosntração de técnicas de supressão de fogo e silvicultura preventiva;
11h30 – Acção de plantação em áreas envolventes;
13h00 – Chegada a Isna Velha. Transporte de barco até ao local do almoço;
13h15 -Almoço;
15h00 – Regresso de barco a Zaboeira;
16h00 – Regresso a Vila de Rei;
16h15 – Final da Actividade.

Esta actividade  inclui  seguros de responsabilidade civil e de acidentes pessoais, acompanhamento com Guia, almoço, travessias de barco, transporte de regresso ao ponto de início.

Mar
24
Sáb
Curso de Iniciação à Sobrevivência em Meio Natural (2.ª Edição) @ Vila de Rei
Mar 24@9:00_Mar 25@17:00
Curso de Iniciação à Sobrevivência em Meio Natural (2.ª Edição) @ Vila de Rei

Dando continuação à  Escola de Sobrevivência divulgada nas actividades da ZêzereTrek e em parceria com a Legioinvictus, vamos realizar uma segunda formação nos dias 24 e 25 de março, bem no Centro de Portugal.
Aproveitando os conhecimentos da nossa empresa e a larga experiência do Formador, Ex-Legionário com um vasto currículo nesta área, vamos habilitar os Formandos, principalmente os entusiastas das atividades Outdoor, com conhecimentos que consideramos úteis nas situações menos expectáveis. Pretendemos igualmente incutir nos participantes que a Natureza está disposta a dar uma ajuda nos momentos mais complicados, ao contrário do que a maioria pode pensar.
A formação está dividida em dois dias, sempre realizada ao ar livre e com o seguinte conteúdo programático:
 Prioridades de sobrevivência;
 Princípios de sobrevivência;
 Regras de 3;
 Faca de mato (tipo de faca, regras de segurança e utilização);
 Orientação diurna e noturna (sem mapa e bússola);
 Construção de abrigos;
 Fogo (diferentes formas de obtenção);
 Água (encontrar, recolher, purificar);
 Alimentos (animais e plantas comestíveis);
 Nós.

O curso inclui refeições e acampamento durante os dias de realização do mesmo.
Apesar de disponibilizarmos algum material no decurso do curso, aconselhamos os Participantes a trazerem consigo os seguintes equipamentos:
 Lâmpada frontal e/ou manual;
 Gamela de campismo;
 Esteira de campismo;
 Saco cama (temperatura 0ºC);
 Saco de lixo (com capacidade mínima de 50 litros)
 2 garrafa de água;
 Faca de mato (com pelo menos 8 cm de lâmina);
 “Firesteel”;
 Paracorda – 20m;
 Impermeável – casaco e calças;
 Luvas;
 Gorro/boné;
 Cachecol;
 Caderno de apontamentos + lápis/caneta;
 Manta de sobrevivência;
 Kit farmácia + medicação pessoal;
 Bolsa de higiene;
 Toalha;
 Muda de roupa completa;
 Segundo par de botas de caminhada.

O custo da formação inclui seguros de responsabilidade civil e de acidentes pessoais, refeições, acampamento e algumas surpresas.

MUITO IMPORTANTE: Actividade limitada a 12 inscrições.

Abr
14
Sáb
Fotografar com Smartphone tem Segredos? @ Água Formosa, Vila de Rei
Abr 14@9:00_17:00
Fotografar com Smartphone tem Segredos? @ Água Formosa, Vila de Rei

No dia 14 de Abril, a empresa ZêzereTrek organiza uma Experiência de Fotografia na Aldeia do Xisto de Água Formosa.
De uma forma geral, os entusiastas da natureza e das actividades Outdoor gostam de registar as suas experiências através de fotografias. Frequentemente, esses registos são feitos com recursos aos actuais smartphones e pequenas máquinas digitais, mas algumas vezes o resultado que se esperava retirar com a fotografia não é o alcançado.
É neste sentido, que a ZêzereTrek, aproveitando o ambiente da Aldeia do Xisto de Água Formosa, com os seus variados e belos enquadramentos, assim como a cedência de um espaço preparado para o efeito, propõe uma experiência fotográfica que o vai levar a tirar o máximo partido do seu equipamento.
Para nos acompanhar nesta Experiência de Fotografia, contaremos com a presença e conhecimentos do Editor e Fotógrafo Vasco de Melo Gonçalves, da Editora Lobo do Mar, com larga experiência na área da fotografia e um utilizador profissional da fotografia com smartphones.
Esta iniciativa contará com duas componentes:

Em sala:
. Onde se fará uma apresentação dos conteúdos a abordar;
. Onde será feita a projeção de imagens obtidas com smartphones e respectiva análise das imagens;
. Noções básicas/essenciais sobre fotografia;
. Apresentação de aplicações gratuitas para tratamento de imagens;
. Análise personalizada dos smartphones e máquinas fotográficas dos participantes.
No campo:
. Onde será pedido aos participantes que centrem as suas fotografias nas áreas da paisagem e pormenor;
. Ronda pelos participantes para um acompanhamento personalizado.

No final do dia iremos desafiar os participantes a participarem num concurso com as suas fotografias. Cada um dos participantes escolherá duas imagens por secção, mais relevantes, para uma apreciação final. Essa apreciação será feita por um júri composto por um elemento da ZêzereTrek, pelo formador convidado e por um elemento da Junta de Freguesia de Vila de Rei.
Prémios: As três primeiras imagens classificadas por secção, serão publicadas no Facebook da ZêzereTrek e receberão uma oferta de produtos da Loja das Aldeias do Xisto de Água Formosa e a assinatura por seis meses da revista “Passear”.

Dado que a ZêzereTrek pretende que o dia em Água Formosa seja inesquecível, será servido um almoço aos participantes no Forno Comunitário de Água Formosa.

Programa:
9H00 – Ponto de encontro e recepção dos participantes na Loja das Aldeias do Xisto de Água Formosa
9H15 – Apresentação e entrega de documentação
9H30 – Início da actividade em sala
12H30 – Almoço
14H00 – Actividade de campo
16H00 – Regresso à sala para análise das imagens e Concurso de Fotografia
17H00 – Entrega de prémios aos fotógrafos vencedores

A experiência inclui seguros de responsabilidade civil e de acidentes pessoais,  materiais didáticos e almoço.

Abr
28
Sáb
Serra da Estrela – O Berço do Zêzere @ Manteigas
Abr 28@9:00_Abr 29@13:00
Serra da Estrela - O Berço do Zêzere @ Manteigas

Sendo a Serra da Estrela o berço do Rio Zêzere, a ZêzereTrek não podia deixar de o levar à região de Manteigas, onde o rio e o território envolvente têm muito para mostrar.
Propomos um fim-de-semana recheado, onde vamos dar a conhecer duas perspectivas diferentes de Manteigas: a visão do Planalto Central, com a sua flora e geologia particulares e a Região Ovelheira, que caracteriza e define a produção do mais conhecido produto da Serra da Estrela, o queijo da Serra.
Os percursos propostos são uma combinação concebida pela ZêzereTrek, tendo por base trilhos pré-existentes, mas seleccionados de forma a proporcionar-lhe uma experiência original onde poderá desfrutar das características mais marcantes da Serra da Estrela.
As actividades serão sempre acompanhadas por Guias com formação em Ciências Naturais e Montanhismo, que lhe desvendarão as curiosidades da flora e fauna que vai encontrando ao longo do percurso.

Sábado (28/04/2018) – Pelos Arrabaldes do Mondego
Tendo por base o traçado do Corredor dos Mouros, esta rota delineada pela ZêzereTrek releva todo o esplendor da biodiversidade da Serra da Estrela, bem como as tradições que caracterizam esta região. Repleto de pontos de interesse atractivos à observação, o trilho oferece a visita à extensa e imponente cumeada do Corredor de Mouros, as eiras ancestrais, os afloramentos quartzíticos, para não falar da beleza do Covão da Ponte, onde o Rio Mondego começa a tomar forma.
Como nota final, na envolvente desta rota, as searas de centeio de altitude desenham mosaicos em tons de dourado e castanho, constituindo um exemplo de um ecossistema criado pelo Homem que fornece um habitat para diversas espécies cinegéticas.

Programa:
9H00 – Início da Actividade. Ponto de Encontro: Covão da Ponte
16H00 – Final da Actividade.

Domingo (29/04/2018) – Rota da Lagoa do Cântaro
Para este dia percorreremos uma rota marcada pela ZêzereTrek e autorizada pelo ICNF, num dos locais mais emblemáticos do Maciço Central. Trata-se de um percurso técnico, com um grau de dificuldade médio/alto, mas que contará com o apoio dos Guias da empresa.
Vai ficar certamente deslumbrado por este cenário natural, pois na paisagem surgem recortes por entre a vegetação, originados pelo pastoreio, que convive harmoniosamente com variadas espécies de fauna e flora. Devido à sua elevada altitude, o Maciço Central constituiu um local único no país, contribuindo para a existência de espécies raras e ancestrais.
Terá ainda a oportunidade de conhecer vários ambientes aquáticos, formados pela conjugação de elevados níveis de precipitação com particularidades da topografia do terreno, e que constituem elementos de grande interesse biológico.

Programa:
9H00 – Início da Actividade. Ponto de Encontro: Covão d’A Metade
13H00 – Final da Actividade.

Em qualquer uma destas actividades, recomendamos roupa e calçado adequado para a época do ano, bem como um reforço alimentar, apesar da ZêzereTrek disponibilizar um lanche aos Participantes.
O valor das actividades é 20,00 euros (as duas actividades), mas se optar pela realização de apenas uma actividade, o valor é de 12,00 euros. Qualquer das opções inclui acompanhamento com Guias especializados, seguros de responsabilidade civil e de acidentes pessoais e lanche a meio dos percursos.

Mai
19
Sáb
As Cerejeiras de Alcongosta @ Alcongosta, Fundão
Mai 19@9:00_13:00
As Cerejeiras de Alcongosta @ Alcongosta, Fundão

Alcongosta foi a antiga “aldeya de congosta” (congosta = caminho apertado), topónimo que nos remete para uma via milenar que atravessava e vencia a Serra da Gardunha, unindo o norte da Beira com as terras do Sul que anunciam o Tejo, cujos vestígios ainda são hoje visíveis.
A paisagem desta região toma tonalidades ao longo do ano das quais é impossível ficar indiferente, em particular na época em que propomos esta actividade.
Entre socalcos de cerejais e bosques de castanheiros e carvalhos, podemos ainda encontrar um biodiversidade muito característica da região, bem como visitar algum do património histórico e tradicional desta aldeia do concelho do Fundão.

Programa:
09H00 – Início da actividade. Concentração junto à Igreja de Nossa Senhora da Anunciação
13H00 – Final do Percurso.

A actividade inclui acompanhamento com guia especializado, um lanche servido a meio do percurso e seguros de acidentes pessoais e de responsabilidade civil..

Jun
2
Sáb
O Ouro Romano do Codes @ Lousa, Vila de Rei
Jun 2@10:00_16:00
O Ouro Romano do Codes @ Lousa, Vila de Rei

Em tempos recuados e de acordo com os vestígios mais antigos que existem na área do concelho, terão sido os Celtas e depois os Romanos, os primeiros habitantes da região de Vila de Rei.
Tratando-se contudo de uma zona geologicamente muito antiga, onde é possível encontrar com alguma frequência fósseis e outros vestígios pré-históricos, é provável que povos muito mais antigos por aqui tenham vivido.
Contudo, a presença romana foi a que mais se destacou, precisamente pela exploração mineira que desenvolveu durante quase um século na região.
Os espólios geológicos existentes na região de Vila de Rei, designados por “Conheiras” são os vestígios desta exploração mineira romana,particularmente junto à Ribeira de Codes, local onde aprenderemos a descobrir ouro, e com sorte, encontrá-lo.
A actividade é composta por percurso interpretativo da geologia do Concelho de Vila de Rei, em paralelo com a interpretação da flora e fauna local, com uma extensão de 5 km e um nível de dificuldade baixo/médio, tendo uma duração prevista de 2 horas e uma aprendizagem da técnica da bateada, usada já na época dos romanos para a pesquisa do ouro, com uma duração de 2 horas, apoiada pelo nosso geólogo residente.

Durante a actividade será servido um almoço volante com produtos regionais ao ar livre.

Programa:

10H00 – Início do actividade. Concentração na localidade de Lousa
12H30 – Almoço;
13H30 – início da actividade de bateada.

A actividade inclui acompanhamento com Guias especializados, almoço e seguros de acidentes pessoais e de responsabilidade civil, bem como algumas surpresas reservadas para o evento.